Nuvem Privada seria mesmo uma combinação de recursos computacionais em que equipamentos pertencem e estão fisicamente alocados dentro de uma organização?

Quando se fala sobre as possíveis formas de implantação da Computação em Nuvem, os seguintes tipos são normalmente propostos:

  • Nuvem pública
  • Nuvem privada
  • Nuvem Híbrida (uma combinação das duas anteriores)

Nuvem pública x Privada

Nuvem pública é aquela oferecida por um provedor de serviços (como Amazon Web Services ou Google App Engine) em que os serviços computacionais são compartilhados pelos clientes e onde o controle das instâncias, máquinas virtuais e recursos de processamento e armazenamento são completamente delegados ao provedor.

Já uma nuvem privada não é necessariamente uma combinação de recursos computacionais em que os equipamentos pertencem e estão fisicamente alocados dentro de uma organização, como o nome pode dar a entender. Na verdade, uma nuvem privada pode ser configurada em um provedor público.

Diferença entre Nuvem Pública e Privada

A diferença básica entre nuvem pública e privada diz respeito ao isolamento dos recursos computacionais. Ou seja, uma nuvem privada é aquela em que os recursos computacionais dedicados a uma determinada organização estão isolados dos utilizados por outras empresas.

Nuvem privada e dois significados distintos

Portanto, o termo “nuvem privada” pode significar duas coisas distintas:

  • Uma nuvem interna em que a infraestrutura física é totalmente controlada e utilizada por uma única organização;
  • Uma “nuvem virtual privada” (VPC – Virtual Private Cloud), em que a infraestrutura é controlada por um provedor de serviços, mas os recursos alocados para uma determinada organização são isolados dos recursos compartilhados pela nuvem pública.

Benefícios da Nuvem Privada

Uma nuvem virtual privada oferecida por um provedor de serviços normalmente confere ao usuário os mesmos benefícios da nuvem pública, incluindo pagamento pelo uso e alocação e liberação de recursos computacionais sob demanda.
Naturalmente, o maior controle oferecido por esse modelo acarreta também em maior esforço de gerenciamento.

Em tese, uma nuvem privada oferece um grau maior de segurança do que uma nuvem pública, dado que o tráfego de informações e a migração de dados entre servidores virtuais e físicos é limitada aos recursos que estão sob controle direto do cliente.

É isso!
Veja ainda: Computação em Nuvem e seus Modelos de Serviços
Deixe seu comentário.


 

Computação em Nuvem e seus Modelos de Serviços
Fatores (não tão óbvios) que Impactam a Adoção de Cloud

Compartilhe

Compartilhe este post com seus amigos